Notícias

1ª MARATONA DAS PRAIAS-BERTIOGA
24/09/2009

Por Paulo Sakumoto

No dia 13 de setembro de 2009, aconteceu em Bertioga, litoral norte de São Paulo, a 1ª edição da Maratona das Praias, evento organizado pela TH5 e que foi elogiado por boa parte dos atletas tanto pela organização, mais atenta aos atletas, quanto pelo percurso diferente e desafiador. Os vencedores da prova foram Fredison Costa (02:28:54) e Elisabete Mota (03:43:37).

No início da manhã daquele domingo, o sol não tinha dado as caras mas apareceu ardente ao longo do percurso, o que tornou a prova muito mais desgastante. O percurso da prova consistia em percorrer pela areia cerca de 10 km a partir da largada na Praia da Enseada até um posto de hidratação no fim do Indaiá, para dali atravessar a Riviera de São Lourenço até o 18º km, prosseguindo por mais 3 km pela praia de Itaguaré, para só então, retornar pelo mesmo caminho até a chegada. Embora as placas de kilometragem estivessem dispostas de forma um pouco confusa, a hidratação a cada 3 km e o posto de gatorade foram os pontos positivos da prova.

Os atletas tiveram que atravessar inúmeras vezes canais que atravessavam o percurso e se no início todos saltavam para não molhar seus tênis, no retorno muitos já mergulhavam seus pés propositalmente para se refrescar.

Ao final da prova, ouviram-se muitos elogios de aprovação pela mais nova maratona do circuito, por outro lado, vários relatos sobre o grande grau de dificuldade da prova. Houve também um sorteio de um pacote de viagem para a Maratona da Disney promovida pela Rent a Tour, parceira da E.C. Tavares.


NOSSA PERFORMANCE

Quanto aos nossos atletas, completaram a prova este que vos escreve (04:42:51), o Régis Corrêa (04:56:48), o Jaime Nascimento (03:51:35) e mais um atleta que infelizmente não consegui identificar, mas que estava com a camiseta da nossa equipe.

Largamos eu, o Reginaldo, e nossa amiga Marina Kuriki, mas ao longo do percurso cada um seguiu seu ritmo. Se no primeiro momento imaginava fazer uma maratona sub 4 horas, já no quinto kilômetro senti que tal objetivo não seria possível, haja vista o cansaço que eu já sentia nas pernas.

Realmente minha preparação se não foi desastrosa foi pouco recomendável (para não dizer reprovável). Como escrevi na matéria anterior, corri parte do Desafio 24 horas com o ultra Dean Karnazes, totalizando 20 km na noite anterior à maratona e tendo dormido apenas 3 horas antes da viagem para o litoral. Também não tive o cuidado de me alimentar ao longo da semana com uma dieta de carboidratos como sempre faço. Idem para hidratação, não tendo sido recomendável encher-se de líquidos momentos antes da prova sob o risco de hiponatremia ou mesmo ficar apertado para o xixi a toda hora. Acho que o sol que não deu trégua e o percurso de areia foram os agravantes e o resultado dessa trapalhada toda ainda estou sentindo (ainda bem que o prof. Tavares não lê nada disso). Além do tempo alto e sofrido, caí doente durante esta semana em razão do que atribuo à queda de imunidade pós-maratona. Vivendo a aprendendo! Confira algumas fotos abaixo.


©2012 ECTAVARES - Tel: 11 3231-2080/3159-8456/7722-0811 - Design Ciclo Graphics