Notícias

A primeira São Silvestre a gente não esquece!
21/01/2009

Luciane Crippa
No último dia de 2008 realizei um grande sonho dos últimos anos: correr a São Silvestre! Foi a primeira vez que participei dessa tão importante prova de rua do calendário mundial e posso dizer que no mesmo momento em que cruzava a linha de chegada, em frente ao prédio da Fundação Cásper Líbero, já fazia meus planos para correr de novo em 2009.
Nunca havia corrido uma prova de 15 km, mas já havia participado de muitas outras corridas de rua de distâncias menores e posso dizer que nenhuma, nem de longe, supera a emoção da São Silvestre, principalmente porque se trata de uma grande festa, com muita energia positiva.
Decerto que se trata de uma corrida difícil, de estratégia, mas é uma emoção correr um percurso, praticamente em toda extensão, sendo apoiada por uma multidão de pessoas aplaudindo e desejando boa sorte. É o povo de São Paulo que faz da São Silvestre uma prova inesquecível! Mesmo nos momentos de perrengue, como ali diante da subida da Brigadeiro, é tanta energia positiva que não há como desanimar.
Sem contar as chuvas de papel dos moradores no Minhocão e os providenciais banhos de mangueira de paulistanos solidários. Junte a isso a diversão de correr em meio a pessoas fantasiadas de Elvis Presley, palhaços e obamas. É tudo muito engraçado!
Mas como não podia deixar de ser, tenho que agradecer aqui à equipe do Tavares, à professora Adriana e todos os corredores que me ajudaram com dicas de como chegar ao fim da prova. Sim, porque as dicas de quem já correu são essenciais para não gastar toda energia já na saída e não sobrar fôlego para concluir o percurso.
Eu também considero que só consegui terminar a prova e não virar o ano com dores graças aos treinos, educativos e abdominais. Sendo assim, meu muito obrigada a todos e um Feliz 2009, tão feliz quanto essa 84ª. São Silvestre!


©2012 ECTAVARES - Tel: 11 3231-2080/3159-8456/7722-0811 - Design Ciclo Graphics